Consulta PIS

Consulta PIS – O PIS é um benefício aguardado anualmente por milhões de trabalhadores. Trata-se de valor concedido pelo Governo Federal que possui o objetivo de estimular a participação direta do trabalhador na vida do seu vínculo empregatício. O Programa de Integração Social não é um benefício acumulativo, portanto, após ter excedido uma data determinada pelo governo, o valor não sacado volta aos cofres públicos. Por isso, para evitar tal situação, é recomendado que esteja sempre realizando a consulta PIS. Quer saber como? Leia o artigo abaixo para informa-se.

Consulta PIS
Consulta PIS – Consultar pis pela Internet, aplicativo PIS, e muito mais!

Consulta PIS

É por meio da consulta ao PIS 2018 que o beneficiário fica informado se o valor do benefício já está disponível para saque. Essa consulta pode ser realizada de diversas formas: telefone, internet ou também na agência. Para lhe auxiliar a não ultrapassar à data do saque de seu benefício, ensinaremos as três formas de consulta.

Consulta PIS nas agências bancárias

A consulta ao PIS nas agências bancárias pode ser feito dirigindo-se até uma agência física, correspondente bancário ou também lotérica autorizada pela Caixa Econômica Federal. Para solicitar sua consulta, é preciso que esteja com um documento de identificação (carteira de trabalho, identidade ou carteira nacional de habilitação) e com número de identificação social, também conhecido como NIS.

Consulta PIS pelo telefone

Caso não tenha como ir até uma agência bancária, o beneficiário pode consultar o seu benefício pelo telefone. Nesse caso, ele deve ligar para o número 0800 726 0207. O atendimento nesta linha acontece de segunda à sexta, no horário das 08h às 22 (Horário de Brasília), ou nos sábados, das 10h até as 16h. A ligação é totalmente gratuita e pode ser discada de telefone ou celular.

Consulta PIS pela internet

A consulta ao PIS pela internet é uma das formas de consulta mais utilizada, isto porque é bem simples e prática de ser realizada. Caso esteja realizando a consulta pela primeira vez, é preciso que cadastre a senha internet para ter acesso a plataforma do Abono Salarial Caixa online. Só após a solicitação da senha, o beneficiário deve seguir os passos abaixo.

Consulta PIS pela Internet
Consulta PIS pela Internet

1 – O beneficiário deve, primeiramente, acessar o site de consulta ao PIS da Caixa Econômica Federal.

2 – Na página, o beneficiário, primeiramente, deverá digitar o número de identificação social do seu PIS. Ao digitar, não é necessário colocar pontos ou hífen, apenas a numeração.

Logo depois, deverá preencher o segundo espaço com sua senha internet, que foi solicitada na primeira vez ao acessar à plataforma.

Por último, o beneficiário deverá reproduzir os caracteres que estão sendo exibido na imagem. O código serve para dificultar a ação de robôs que prejudicam o sistema.

3 – Ao término do preenchimento do formulário, o beneficiário deverá clicar em ‘ok’. Caso os dados estejam corretos, será redirecionado rapidamente à página de consulta ao PIS, onde poderá conferir todas as informações. Você também poderá consultar informações de outros benefícios, como do Bolsa Família, Fundo de Garantia, e Seguro Desemprego 2018.

Está com alguma dúvida sobre a consulta PIS? Diga-nos na área de comentários para que possamos solucioná-los.

Consulta PIS pelo aplicativo

Aplicativo PIS 2018Para os trabalhadores que possuem celular, tablete ou smartphone, é possível também consultar o saldo do abono salarial através do aplicativo Caixa Trabalhador, distribuído gratuitamente pela Caixa Econômica Federal.

Para baixar o aplicativo do PIS, basta acessar a loja de aplicativos do seu dispositivo, e procurar por “Caixa Trabalhador”. O aplicativo é distribuído gratuitamente e está disponível para as principais plataformas de dispositivos móveis em circulação.

Após instalado, basta acessar o aplicativo – é essencial ter conexão com a internet para consultar o PIS –  e digitar o número do NIS. Pronto! Você vai poder consultar o calendário PIS 2018, e o valor do seu abono salarial, sem nem precisar sair de casa!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Calendário PIS 2018

Calendário PIS 2018 – O Programa de Integração Social, também conhecido pela sigla PIS, é um benefício destinado à classe trabalhadora da iniciativa priva. O benefício tem o objetivo de realizar a integração do trabalhador à vida da empresa, fortalecendo assim o rendimento e a produtividade. Estima-se que mais de 22,3 milhões de trabalhadores que têm direito ao PIS. No entanto, milhares delas acabam perdendo o prazo de saque por não ficar ligado ao calendário do PIS 2018. Então, quer se informar um pouco mais sobre este meio? Leia o artigo abaixo!

Calendário PIS 2018 - Tabela PIS 2018
Calendário PIS 2018 – Tabela PIS 2018

Calendário PIS 2018

O calendário PIS 2018 é o meio pelo qual todos os beneficiários do programa devem se informar a respeito da data de pagamento do seu benefício. A data de pagamento de cada beneficiário é definida de acordo com mês de nascimento. Geralmente, o abono salarial começa a ser pago no mês de julho e só é terminado em junho do ano posterior.

O calendário PIS 2018 é organizado por um calendário para evitar que todos os beneficiários recebam sua quantia numa só data, o que ocasionaria um congestionamento nas agências e no sistema eletrônico da Caixa. Portanto, para evitar tais caso, o pagamento do PIS 2018 é distribuído com meses do ano.

Tabela do PIS para saque na Caixa Econômica Federal
Calendário de pagamento do PIS 2018 para agências da Caixa:
Aniversário Podem Sacar em: Podem sacar até:
Julho 27/07/2017 29/06/2018
Agosto 17/08/2017 29/06/2018
Setembro 14/09/2017 29/06/2018
Outubro 19/10/2017 29/06/2018
Novembro 17/11/2017 29/06/2018
Dezembro 14/12/2017 29/06/2018
Janeiro e Fevereiro 18/01/2018 29/06/2018
Março e Abril 22/02/2018 29/06/2018
Maio e Junho 15/03/2018 29/06/2018

Além disso, o Ministério do Trabalho também apresenta uma tabela, para quem possui conta corrente na Caixa Econômica Federal. Esses trabalhadores recebem o saldo diretamente em conta, de acordo com o calendário abaixo:

Recebe em conta PIS na CAIXA:
Aniversário em: Recebe no dia:
Julho 25/07/2017
Agosto 15/08/2017
Setembro 12/09/2017
Outubro 17/10/2017
Novembro 14/11/2017
Dezembro 12/12/2017
Janeiro e Fevereiro 16/01/2018
Março e Abril 20/02/2018
Maio e Junho 13/03/2018

O calendário do PIS 2018 criado pelo Ministério do Trabalho é totalmente de fácil compreensão. Isto é uma preocupação que o órgão tem anualmente ao elaborar um novo calendário. Como o programa atende uma grande gama de pessoas, é preciso que todas compreendam o que aquele documento que transmitir.


Diferenças do PIS, PASEP e Abono Salarial

Muitas pessoas se confundem com os seguintes termos “PIS”, “PASEP” e “Abono Salarial”, até porque as regras mudam de forma muito rápida.

Confira a seguir qual a diferença entre os três:

  • PIS: O PIS se referente ao Programa de Integração Social, e é o programa que beneficia cidadãos trabalhadores de empresas  privadas;
  • Abono Salarial: O Abono é um pouco diferente do PIS e PASEP, o  termo é usado para o direito do trabalhador de receber seu pagamento, baseado na Lei 13.134/15;
  • PASEP: O Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público possui a mesma função do PIS, mas para os trabalhadores de empresas públicas, como o próprio nome já diz.

Regras do PIS 2018

Caso você já receba o PIS através do calendário ou irá começar a receber esse ano, você deve ficar atento aos critérios do programa.

A principal regra é a seguinte: o trabalhador começa a receber aós 5 anos de cadastro no PIS.

Abaixo você pode conferir quais são os trabalhadores que possuem o direito de receber o benefício do PIS 2018:

  • É necessário ter trabalhado para Pessoa Jurídica durante no mínimo 30 dias, podendo ser dias seguidos ou somado ou longo do ano;
  • Receber no máximo 2 salários mínimos federais;
  • A Pessoa Jurídica (empresa) deve realizar a declaração do cadastro do trabalhador na RAIS – Relação Anual de Informações Sociais. Isso é conferido pelo sistema da Caixa Econômica Federal para que o pagamento possa ou não ser liberado;
  • Estar no PIS durante no mínimo 5 anos.

Novo Calendário PIS 2018

O novo calendário do PIS 2018 é sempre divulgado pelo Ministério do Trabalho em seu site oficial, como aconteceu este ano. O anúncio ocorreu por meio de uma nota onde esclareceu o MTE todas as dúvidas a respeito do benefício, assim como divulgou a nova tabela do Abono Salarial 2018.

Geralmente, o anuncio de um novo calendário do PIS costuma ser noticiado nos jornais televisivos, assim como em portais de notícias. Por isso, esteja sempre atento à essa plataforma caso queiram estar informadas a respeito deste benefício.


Quem não pode receber o PIS 2018

Mesmo seguindo a principal regra do programa, muitos trabalhadores não tem direito a receber nas datas disponíveis no Calendário PIS 2018, confira abaixo quem são eles:

  • Diretores de empresas sem vínculo empregatício, mesmo contribuindo ao FGTS;
  • Empregados domésticos;
  • Trabalhadores que trabalham para Pessoa Física, sendo trabalhador urbano ou rural;
  • Trabalhadores que não completaram 5 anos de cadastro PIS;
  • Trabalhadores Jovem Aprendiz.

Valor do PIS 2018

O abono salarial é definido de acordo com o valor do salário mínimo 2018. Até 2016, o PIS era pago com valor fixo de 1 salário mínimo para qualquer trabalhador que se enquadrasse nas regras do abono salarial, porém, a partir de 2017, o valor do abono salarial passou a ser proporcional ao tempo trabalhado pelo trabalhador no ano base, sendo que aquele que trabalhou durante todo o ano base tem direito ao valor integral do PIS 2018. Quem trabalhou por apenas 30 dias com carteira assinada, terá direito à apenas 1/12 do valor total do PIS.

Confira abaixo a tabela de valores para entender melhor como vai funcionar o valor do PIS 2018:

Meses trabalhados (dias) Valor Abono
1 (30 a 44) R$ 79,00
2 (45 a 74) R$ 157,00
3 (75 a 104) R$ 235,00
4 (105 a 134) R$ 313,00
5 (135 a 164) R$ 391,00
6 (165 a 194) R$ 469,00
7 (195 a 224) R$ 547,00
8 (225 a 254) R$ 625,00
9 (255 a 284) R$ 703,00
10 (285 a 314) R$ 781,00
11 (315 a 344) R$ 859,00
12 (345 a 365) R$ 937,00

Quem tem direito ao PIS

Quem tem direitoTambém é importante ressaltear que nem todos os trabalhadores tem direito ao abono salarial 2018. Somente terão direito assacar o benefício pelas datas do calendário PIS 2018 aqueles que:

  • No ano base já tinham ou completaram pelo menos 5 anos de cadastro no PIS;
  • Receberam, no ano base, uma média salarial de até 2 salários mínimos;
  • Trabalharam para pessoa jurídica em regime CLT por pelo menos 30 dias de carteira assinada;
  • Foram devidamente informados na RAIS, entregue ao Ministério do trabalho e emprego;
  • Trabalharam, no ano base, para a iniciativa privada.

Consulta do PIS 2018

Se você deseja verificar seu cadastro e saber se poderá receber nas datas do calendário, basta realizar a consulta PIS no seu cadastro.

Inicialmente acesse o site da Caixa (http://www.caixa.gov.br/Paginas/home-caixa.aspx).

Escolha o menu “para trabalhadores”;

consulta pis passo 1

E depois a opção “PIS”;

consulta pis passo 2

Clique na opção “Consultar Pagamento”;

consulta pis passo 3

Ao acessar a p[ágina de serviços da Caixa Econômica Federal você deve preencher o seu Número do NIS e a senha da internet. Se você não possuir a senha de internet deve cadastrar uma, clicando em “cadastrar senha”.

consulta pis passo a passo


Como sacar PIS 2018

O benefício pode ser sacada nas agências da Caixa Econômica Federal dentro do período do Calendário PIS 2018. O Saque do PIS pode ser feito tanto pelo atendimento pessoal quanto pelo caixa eletrônico. Também é possível receber o seu valor em correspondentes Caixa Aqui e lotéricas conveniadas à CEF. Para tais caso, é preciso que esteja portando algum documento de identificação com foto, como carteira de identidade, trabalho ou habilitação, e o seu cartão do cidadão. Geralmente, em correspondente Caixa Aqui e lotéricas, o saque só é realizado pelo titular da conta.

É bom sempre estar consultando o PIS para que não fique sem receber o seu benefício. Geralmente, quando excede a data limite do saque do PIS o valor retorna aos cofres públicos. O PIS não é um benefício acumulativo.

Está com alguma dúvida sobre Calendário do PIS 2018? Diga-nos na área de comentários para que possamos solucioná-los.


Prazo para Realizar o Saque do PIS 2018

Todas pessoas que possuem dirito ao benefício devem sacar o mesmo de acordo com o prazo estipulado pelo Calendário PIS, pois se você não sacar, o valor dificilmente será prorrogado.

Caso você deixe o prazo passar, você não receberá o valor do benefício no ano do ocorrido.

Sempre quando alguém deixa de sacar o valor, o benefício segue para o Fundo de Amparo ao Trabalhador – FAT.


Não recebi o PIS, mesmo dentro do prazo

Caso você esteja no dia correto para o saque de acordo com o Calendário do PIS 2018, e compareceu as agências ou em algum caixa eletrônico e não conseguiu realizar o saque, você deve:

  • Rever se você cumpre todos os requisitos do programa;
  • Pode também comparecer a uma agência da Caixa ou ligar para o atendimento do banco e esclarecer o problema.

Documentos Necessários para Sacar o PIS 2018

Os documentos exigidos para realizar o saque do PIS são poucos e documentos básicos, confira:

  • Cartão da Conta Caixa Econômica Federal;
  • Cartão Cidadão.

Caso você precise falar com alguma atendente, você precisa ter em mãos um dos seguintes documentos:

  • CNH;
  • Carteira de Trabalho;
  • RG.

Valor do PIS com Novas Regras

Após à aprovação da Lei 13.134/15, o Abono Salarial passou a ser pago aos trabalhadores em seu valor regular.

Agora para ter direito ao benefício, o trabalhador deverá trabalhar 30 dias com a carteira assinada.

Caso você possua 1 mês e 14 dias receberá como se fosse 1 mês. Já quem possui 1 mês e 15 dias, receberá como 2 meses e assim continuamente.


Dúvidas sobre PIS 2018

Caso você possua alguma dúvida sobre o PIS – Programa de Integração Social, você deve entrar em contato com a Caixa Econômica Federal.

Esse contato pode ser através do telefone: 0800 726 0207.

Você pode solicitar o seu cartão cidadão pelo mesmo número.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (4 votes, average: 3,25 out of 5)
Loading...

Quem tem direito ao PIS

O Programa de Integração Social, também conhecido como PIS, é um benefício concedidos à todos os trabalhadores que pertencem a iniciativa privada. No entanto, assim como qualquer outro benefício concedido pelo Governo Federal, o PIS possui algumas diretrizes para que o trabalhador tenha acesso à quantia concedida pelo benefício. Portanto, quer saber quem tem direito ao PIS? Leia o artigo abaixo e informe-se.

Quem tem direito ao PIS
Quem tem direito ao PIS – PIS 2018

O que é PIS?

O PIS é um benefício destinado aos trabalhadores da iniciativa priva que possui o objetivo de estimular o trabalhador à participar ativamente da empresa, assim como oferecer uma melhor qualidade de vida. O PIS é também conhecido como abono salarial e costuma ser chamado de abono salarial 2018. No entanto, são benefícios diferentes. O PASEP é voltado para os servidores de empresas públicas.

Quem tem direito ao PIS

Quem tem direitoPara que tenha um maior controle a respeito da adesão ao PIS 2018, o Governo Federal estipulou algumas regras de entrada. Trata-se de uma forma de controlar o número de pessoal que possui acesso ao benefício. No entanto, não há com que se preocupar, as regras definidas não são rigorosas.

  • Ter recebido do seu vínculo empregatício uma remuneração mensal média de, no máximo, dois salários mínimos ao decorrer do ano-base. No caso, a remuneração deve ser, no máximo, de R$1760, tendo em vista que o valor do salário mínimo em 2016 foi correspondente à R$880.
  • Estar matriculado por, no mínimo, cinco anos no Programa de Integração Social (PIS).
  • Ter exercido atividade remunerada com carteira assinada por, no mínimo, 30 dias no ano-base, podendo ser consecutivos ou não.
  • Seu vínculo empregatício precisa ter enviado ao Ministério do Trabalho a Relação Anual de Informações Sociais, também conhecida pela sigla RAIS.

Quem não tem direito ao PIS

Agora que você está informado acerca de quem possui direito ao PIS, por que não conhecer os profissionais que não podem requerer este benefício. Quem não tem direito ao PIS são:

  • Trabalhadores urbanos pertencentes à um empregador categorizado como pessoa física;
  • Empregados domésticos;
  • Trabalhadores rurais vinculados a empregador pessoa física;
  • Menores aprendizes;
  • Trabalhador direto sem vínculo empregatício.

Calendário PIS 2018

Para sacar o seu abono salarial, é necessário estar dentro do período de pagamentos definido pelo calendário PIS 2018. Esse calendário é divulgado anualmente pela Caixa Econômica, e define as datas de saque do seu PIS. Confira abaixo as datas para sacar o seu abono salarial.

Calendário PIS 2018 - Tabela do PIS
Calendário PIS 2018 – Tabela do PIS

Para consultar o valor do abono salarial 2018, clique em consulta PIS para ver qual o valor do seu PIS,

Valor do PIS 2018

Uma dúvida muito comum das pessoas que estão prestes a receber o seu benefício pela primeira vez é acerca do valor. O valor do PIS é estipulado de acordo com valor do salário mínimo do ano vigente. Portanto, anualmente, o valor do PIS 2018 recebe alterações. Para 2018, o valor do PIS está fixado em R$937 – de acordo com o valor do salário mínimo 2018. É bem importante que esteja atento ao saldo de sua conta pois a quantia do PIS não é acumulativa. Ou seja, caso o saque não seja realizado dentro do prazo legal determinado pela Caixa Econômica Federal, instituição responsável pelo pagamento do PIS, o dinheiro é estornado aos cofres públicos.

Está com alguma dúvida a respeito de quem tem direito ao PIS? Diga-nos na área de comentários para que possamos solucioná-los.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Salário Mínimo 2018

Salário Mínimo 2018 – O valor do salário mínimo é uma das informações mais aguardada pela classe trabalhadora. Isto porque essa faixa de salarial é concedida há mais de 48 milhões de trabalhadores brasileiros. Anualmente, o Governo Federal anuncia mudanças no salário mínimo. Geralmente os anúncios acontecem próximo ao fim do ano, em meados de dezembro. Como não poderia deixar de ocorrer, este ano o mínimo também teve aumento, no entanto, um pouco mais modesto. Quer conferir o valor do salário mínimo 2018? Leia o artigo abaixo e informe-se.

Salário mínimo 2018
Salário mínimo 2018 – Valor, Reajuste, aumento e tabela

Salário Mínimo 2018

O salário mínimo é a quantia mais baixa que um empregador pode pagar à seu funcionário pelo tempo e esforço exercido na produção da empresa. Para ter direito ao mínimo, é preciso que tenha a carteira de trabalho assinada. Embora muitos estados sigam o valor definido pelo Governo Federal, outros possui o seu próprio piso salarial. Nesse caso, o valor é bem maior que o próprio salário mínimo. Alguns estados que possuem legislação própria acerca do salário mínimo é o Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, São Paulo e Santa Catarina.

A legislação brasileira define que o reajuste do salário mínimo 2018 seja de acordo com a soma da variação da Inflação para População de Baixa Renda, mais conhecida pela sigla INPC, do ano anterior, mais a taxa de crescimento real do PIC dois anos antes. Esse índice também é usado para definir o valor de diversos benefícios sociais, tais como o Seguro Desemprego, o Abono salarial, entre outros.

Valor do Salário Mínimo 2018

Como Sacar 2018O novo valor do salário mínimo 2018 começou a vigorar desde o dia 1º de janeiro. De R$880, o valor do mínimo aumentou para R$937: um reajuste de 6,47%. Ou seja, R$57 maior que o antigo valor do mínimo. Este ano foi a primeira vez em 15 anos (especificamente desde 2003) que o valor do salário mínimo não aumentou acima da inflação. Isto porque o PIB ficou estagnado em 2014 e teve queda em 2015 e 2016.

O novo valor do salário mínimo gerou uma grande repercussão. Isto porque o valor ficou totalmente abaixo das previsões iniciais divulgada em 2016 pelo Governo Federal. Nessas previsões, o valor do mínimo seria de R$945,80.

Aumento do Salário Mínimo 2018

O aumento do salário Mínimo 2018 foi bem abaixo do que a maioria dos trabalhadores esperava, de apenas R$ 57,00. Isso significa que o reajuste do salário mínimo 2018 foi de 6,47%, o que corresponde ao índice de inflação medido durante o ano de 2017. Na prática, isso significa que o salário mínimo de 2018 e de 2017 dão ao consumidor o mesmo poder de compra, mas como o aumento o mínimo não foi um aumento real, isso deve funcionar como pressão para evitar a alta da inflação durante esse ano.

Espera-se que em 2018, o Governo continue usando o valor do salário Mínimo para reajustar o valor do Abono Salarial 2018.

Valor do salário mínimo ideal

É sabido que o valor do salário mínimo instituído pelo governo federal para o ano de 2018 não chega nem próximo à faixa ideal. De acordo com o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos, também conhecido pela DIEESE, o valor suficiente seria R$3.856,23. Este valor seria ideal para suprir as despesas do trabalhador com alimentação, saúde, transporte, lazer, moradia, previdência, educação, vestuário e higiene. O cálculo do valor do salário mínimo ideal é feito desde 1994 pelo instituto e é baseado de acordo com o valor da cesta básica.

Confira também: valor atualizado do PIS 2018.

Está com alguma dúvida sobre o salário mínimo 2018? Diga-nos na área de comentários para que possamos solucioná-los.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Seguro Desemprego 2018

A classe trabalhista brasileira é uma das mais assessoradas em relação à benefícios trabalhistas. Embora o valor do salário mínimo seja relativamente baixo, hoje, existem inúmeros benefícios que podem ser requisitados por esta classe quando está numa situação complicada, como é o caso do seguro desemprego. Trata-se de um recurso que pode ser requerido quando o trabalhador perde seu vínculo empregatício. Então, poderá requisitá-lo para custear as despesas da casa enquanto não é admitido em outra empresa. Então, quer se informar um pouco mais sobre o seguro desemprego 2018? Leia o artigo abaixo para se informar um pouco mais sobre esse benefício e não perder a oportunidade de receber o seu auxílio desemprego.

Seguro desemprego 2018
Seguro desemprego 2018 – Quem tem direito, Novas regras, consulta seguro desemrpego

Seguro Desemprego 2018

O seguro desemprego é um benefício concedido pelo governo federal aos trabalhadores que foram demitidos sem justa causa. Nesse caso, o benefício ajuda-o a custear as despesas de sua família enquanto não é admitido em outro vínculo empregatício. Só neste ano, as autoridades estimaram que 16 milhões de pessoas utilizarão esse benefício.

Em 2015, o Seguro Desemprego passou por algumas reformulações em suas diretrizes de concessão do benefício. Na ocasião foi definido que é necessário exercer atividade remunerada por 12 meses para solicitar o seguro pela primeira vez, e por 9 meses para pedir a segunda. Para requerer o benefício na terceira vez é necessário que tenha trabalhado por seis meses. A regra anterior permitia que o trabalhador solicitasse o benefício após seis meses de trabalho ininterruptos. Esta medida foi tomada como uma das formas do governo sair do vermelho e controlar as contas públicas.

Veja também:

Quem tem direito ao Seguro Desemprego 2018

Quem tem direitoAssim como qualquer benefício oferecido pelo Governo Federal, o Seguro Desemprego possui algumas diretrizes que devem ser respeitada por quem quer ter direito ao valor. Para ter acesso ao Seguro Desemprego 2018 é preciso que:

  • Não tenha participação em sociedade em empresas;
  • Ter sido demitido sem justa causa;
  • Estar por, no mínimo, 16 meses sem solicitar o seguro desemprego;
  • Não esteja recebendo outro benefício trabalhista paralelamente;
  • Por fim, em caso de trabalhadores rurais, é necessário ter exercido atividade remunerado por, no mínimo, 15 meses nos últimos 24 meses (2 anos).

Após constatar que se encaixa em todas as regras, você poderá ir até uma agência do Ministério do Emprego e Trabalho solicitar a sua entrada no seguro desemprego.

Como receber o Seguro Desemprego 2018

Como Sacar 2018Caso seu seguro desemprego já esteja disponível, você pode sacá-lo de uma forma muito simples e fácil. Como o benefício é de responsabilidade da Caixa Econômica Federal, o saque só poderá ser realizado em suas dependências. Nesse caso, basta ir até uma agência da Caixa, correspondente bancário Caixa Aqui ou lotérica conveniada a CEF portando seu documento identificação (carteira de trabalho, identificação ou de habilitação) e também o cartão cidadão.

Aproveite a oportunidade e solicite o saque do PIS 2018, que pode ser feio no mesmo local e com os mesmos documentos usados para receber o seguro desemprego.

Consulta Seguro Desemprego

Existem 2 formas muito simples de consultar o seguro desemprego: através do aplicativo Caixa Trabalhador e do Portal do Trabalhador Caixa, na internet, em que você pode consultar o valor das parcelas do seu seguro desemprego, e as datas de saque do seu benefício.

  • Para baixar o aplicativo, acesse a loja de aplicativos do seu celular, e procure pelo aplicativo “Caixa trabalhador”. Esse aplicativo está disponível para as principais plataformas, e com ele, você pode consultar, além do saldo do seguro desemprego, o calendário do PIS, valor do Fundo de Garantia, e muito mais!
  • Outra forma de consultar o seguro desemprego 2018 é através do portal cidadão Caixa. Para acessar, basta clicar nesse link, digitar o número do seu PIS e cadastrar uma nova senha. Você terá acesso ao saldo do seu seguro desemprego, datas de pagamento do abono salarial 2018, fundo de garantia e bolsa família.

Está com alguma dúvida sobre o seguro desemprego 2018? Diga-nos na área de comentários para que possamos solucioná-los.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Abono Salarial 2018

Anualmente, o trabalhador brasileiro possui acesso à diversos benefícios. O Programa de Integração Social é um deles. Popularmente conhecido pela sigla PIS, este benefício é concedido aos trabalhadores de empresas privadas. Ele possui o objetivo de realizar a integração do trabalhador na vida da empresa, estimulando assim, uma produção mais eficiente e colaborativa. Embora muitos já tenham acesso ao PIS, existem uma outra grande gama de pessoas que não tem acesso à informação, portanto acabam ficando de fora deste benefício. Então, quer se informar um pouco mais sobre abono salarial 2018? Leia o artigo abaixo.

Abono Salarial 2018
Abono Salarial 2018

Abono Salarial 2018

O Programa de Integração Social (PIS 2018) também é conhecido pelos trabalhadores como abono salarial. O benefício é considerado o décimo quarto salário da classe trabalhistas. Ele possui o objetivo de proporcionar uma melhor qualidade de vida aos trabalhadores brasileiros com carteira assinada. O abono salarial é uma iniciativa do Governo Federal, por meio do Ministério do Trabalho, e da Caixa Econômica Federal.

Calendário Abono salarial 2018

A Caixa Econômica Federal já divulgou as datas de pagamento do Abono salarial através do Calendário PIS 2018. Esse calendário contém todas as datas de pagamento do PIS 2018 durante o período de 2017-2018.

Calendário PIS 2018 - Tabela do PIS
Calendário PIS 2018 – Tabela do PIS

Os trabalhadores nascidos entre os meses de Julho e dezembro poderão sacar o PIS no mês de nascimento, já os nascidos entre Janeiro de Julho, terão direito a sacar o Abono Salarial 2018 nos meses de Janeiro, fevereiro e março de 2018. Os pagamentos do PIS 2018 ficarão disponíveis até o dia 30 de junho de 2018 para saque, após o término desse prazo, os trabalhadores perdem o direito de sacar o abono salarial.

Quem tem direito ao abono salarial 2018

Para ter direito ao abono salarial é preciso que obedeça à algumas diretrizes definidas pelos órgãos gestores. Essas diretrizes não são rígidas e possui a intenção de controlar o número de pessoas que possui acesso à este benefício.

  • Estar matriculado à, no mínimo, cincos anos no PIS.
  • Ter trabalhado no ano-base, no mínimo, 30 dias com carteira assinada, podendo ser consecutivos ou não.
  • O valor da remuneração mensal do trabalhador não pode ter excedido à quantia de dois salários mínimos.
  • O vínculo empregatício precisa ter entregue a Relação Anual de informações Sociais, também conhecida pela sigla RAIS, ao Ministério do Trabalho.

Valor do Abono Salarial 2018

O valor do abono salarial 2018 é estipulado de acordo com a cotação do salário mínimo. Por isso, anualmente, há modificações no valor do PIS e, provavelmente, em 2018 teremos mais outra alteração. Em 2018, o valor do abono salarial está cotado em R$937, cerca de R$57 a mais do que ano passado.

Tabela de valores do PIS 2018
Tabela de valores do PIS 2018

Como receber o Abono Salarial 2018

O abono salarial 2018 pode ser recebido nas agências, correspondentes bancários e lotéricas conveniadas à Caixa Econômica Federal, instituição financeira responsável pelo pagamento deste benefício. Na ocasião, o beneficiário deve dirigir-se até uma agência da Caixa portando algum documento de identificação, como a carteira de habilitação, identidade ou de trabalho, e também com o número de identificação social do PIS ou seu cartão do cidadão, caso receba seu benefício por meio dele.

É importante que esteja bem atento aos prazos de recebimento do abono salarial 2018. Isto porque após exceder o prazo limite para saque do benefício o valor retorna aos cofres públicos. Portanto, esteja bem atento ao calendário do PIS.

Está com alguma dúvida sobre o abono salarial 2018? Conte-nos na área de comentários para que possamos solucioná-los.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votes, average: 3,00 out of 5)
Loading...

PIS 2018

O Programa de Integração Social, também conhecido pela sigla PIS, é um benefício concedido anualmente aos trabalhadores de empresas privadas. Trata-se de um benefício concedido com o objetivo de estimular o funcionário a fazer parte da vida da empresa. O PIS 2018 é considerado um décimo quarto salário por muitos. Estar informado acerca desse benefício é crucial para que não passe da data limite do recebimento. Por isso, preparamos este artigo com todos as informações sobre o benefício.

PIS 2018 - Abono Salarial Caixa e calendário PIS 2018
PIS 2018 – Abono Salarial Caixa e calendário PIS 2018

PIS 2018

O PIS 2018 é um benefício destinado aos trabalhadores de empresas privadas. Embora possua objetivos simulares, o PIS é diferente do PASEP – geralmente é nomeado como PIS/PASEP, ou simplesmente Abono Salarial 2018. Neste caso, o PASEP é concedido aos servidores públicos. O PIS é administrado pelo Ministério do Trabalho e da Fazenda, e pago pela Caixa Econômica Federal, instituição financeira responsável pelas transações.

Atualmente, são 22,3 milhões de trabalhadores que possuem direito ao PIS. Anualmente, é destinado mais de R$14,9 bilhões para o pagamento dos beneficiários. Gerando assim um retorno significativo na economia, já que boa parte desse dinheiro será gasto no comércio.

Quem tem direito ao PIS 2018

Para ter direito ao PIS 2018 é preciso que esteja em conformidade com algumas regras definidas pelos órgãos competentes. Para ter acesso ao PIS 2018 é preciso que:

  • O cidadão esteja matriculado no PIS por, no mínimo, cinco anos;
  • Ter exercido atividade remunerado por, no mínimo, 30 dias no ano de apuração.
  • Ter tido uma renda mensal equivalente ou menor do que dois salários mínimos.
  • O seu vínculo empregatício precisa ter entregue a Relação Anual de Informações Sociais, também conhecida pela sigla RAIS, ao Ministério do Trabalho e Emprego.

Calendário PIS 2018

Já está disponível o novo calendário PIS 2018, divulgado pela Caixa Econômica Federal, em parceria com o Ministério do trabalho. Segundo o novo calendário do PIS 2018, os pagamentos do PIS 2018 começam em Julho de 2018 e vão até Março do ano seguinte. Tem direito a sacar o benefício no Mês de nascimento todos os trabalhadores nascidos entre Julho e Dezembro, e quem nasceu entre os meses de Janeiro a Junho, pode sacar no primeiro semestre do ano seguinte.

Calendário PIS 2018 - Tabela do PIS
Calendário PIS 2018 – Tabela do PIS

Nos primeiros 3 meses de 2018 também serão liberados os pagamentos remanescentes do PIS 2017, para todos os beneficiários do abono salarial do que não receberam o benefício até o final do ano. Todos os beneficiários – tanto os do calendário 2017 quanto os do calendário pis 2018, já terão direito a sacar o abono salarial reajustado pelo novo valor do salário mínimo 2018.

Novas regras PIS 2018

Para 2018, o Ministério do Trabalho instituiu algumas novas regras para saque do PIS 2018. Foi definido que o valor do PIS será associado ao número de meses trabalhados no ano de apuração do benefício. Só receberá o valor completo (no caso, um salário mínimo) quem trabalhou no ano-base completo. As novas regras pegaram alguns beneficiários do PIS de surpresa, no entanto, possuem o objetivo de controlar o valor destinado ao benefício.

Tabela de valores do PIS 2018
Tabela de valores do PIS 2018

Como sacar o PIS 2018

Para sacar o PIS 2018 o beneficiário deve se dirigir até uma agência física da Caixa Econômica Federal. Na agência, poderá receber tanto pelo atendimento pessoal quanto no caixa eletrônico. Caso não tenha uma agência da Caixa por perto, o beneficiário poderá receber em correspondente bancário Caixa Aqui e também nas lotéricas conveniadas à CEF. Para receber o PIS 2018 o beneficiário deverá estar portando o cartão do cidadão e também algum documento de identificação, como carteira nacional de habilitação, carteira de identidade ou carteira de trabalho. Caso não tenha o Cartão do Cidadão, o beneficiário poderá receber com número de inscrição social, popularmente conhecido pela sigla NIS.

Consulta PIS 2018

Também é possível consultar o valor a receber do abono salarial. Basicamente, existem 4 formas simples de consultar o saldo do abono salarial:

  • Pelo aplicativo “Caixa Trabalhador”, disponível gratuitamente em todas as principais plataformas de telefones móveis, basta instalar e digitar o número do PIS para consultar o saldo do abono salarial;
  • Em uma agência da caixa ou lotérica, portando o seu cartão cidadão. Para consultar, vá ao atendimento, e solicite o extrato do cartão cidadão.
  • É possível consultar o saldo do PIS 2018 por telefone, pelo número 0800 726 0207. A ligação é gratuita, e o atendimento funciona de segunda à sexta, das 08h às 22h.
  • Também é possível consultar o saldo do PIS sem sair de casa pelo Portal cidadão Caixa. A consulta PIS pela internet pode ser feita a qualquer momento, em qualquer lugar, desde que o beneficiário tenha acesso à internet. Basta clicar no link indicado acima, digitar o número do PIS e cadastrar uma senha, no botão “cadastrar senha”. A consulta leva poucos segundos, e além do saldo e do calendário PIS 2018, você ainda pode conferir o saldo de outros benefícios, como o calendário Bolsa Família, datas de pagamento do seguro Desemprego 2018, e ainda o saldo do Fundo de Garantia.

Está com alguma dúvida PIS 2018? Diga-nos na área de comentários para que possamos solucioná-las.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...